Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2015

ARTIGO: A Sustentabilidade nos condomínios

Imagem
*Ao pensar na palavra sustentabilidade, automaticamente pensamos em um planeta mais limpo, com mais recursos naturais e menos escassez. Mas afinal, qual o verdadeiro significado e por que nos últimos tempos temos falado tanto deste assunto? O principal sentido acerca desse tema, é que o uso dos recursos naturais para a satisfação de necessidades presentes não comprometam a satisfação das necessidades das gerações futuras, em resumo, criar recursos que integrem as questões sociais, energéticas, econômicas e ambientais, com a finalidade de preservação do meio ambiente. Para que um empreendimento seja considerado sustentável, ele deve ser ecologicamente correto, economicamente viável, socialmente justo e culturalmente adverso.
Atualmente, os condomínios tem adotado algumas medidas sustentáveis. A parceria com Engenheiros e Paisagistas, tem proporcionado a criação de jardins e áreas de lazer com opções ecologicamente corretas, proporcionando um espaço que além de bonito e prazeroso, cont…

Condomínio rural

O QUE É CONDOMÍNIO RURAL
Conceito Proporcionar ao produtor rural Mecanismos, por meio de formas legais, mais ágeis e simples, para melhorar a segurança, reduzir custos e investimentos, mantendo a produção em escala e minimizando tributos.
A origem do condomínio tem figura jurídica de direito privado, característica empresarial e visa ao lucro sem, contudo, perder a condição de pessoa física, pelo CC, art. 1314 a1326 e Regulamento do Imposto de Renda.
Características Combate o endividamento rural; Preserva a produção em escala, aumentando o lucro; Bom para o grande produtor, excelente para o médio e essencial para o pequeno; Pode ser administrado como empresa, sem perder condição de pessoa fí­sica; Espontaneidade - Condômino entra e sai quando quiser; Indicado para agricultura e pecuária (Atividade primária); Combate a pobreza no campo mediante aglutinação de recursos, visando á maior receita com menor custo; Preserva a integridade familiar e social promovendo o bem estar de seus membr…

Algumas mudanças importantes no Novo Código Civil - Capítulo Condomínios

Imagem
O novo Código Civil entrou em vigor em 11 de janeiro de 2003, e seus artigos referentes a condomínios modificaram a Lei que regia o setor, a 4.591/64.

Sobre a Lei anterior 4.591/64

O Código Civil diferencia principalmente parte comum e privativa e também fala sobre multas, destituição do síndico, como formar uma convenção, entre outros. Mas a lei de 1964, a 4.591, também conhecida como lei do condomínio, ainda tem validade quanto aos assuntos que o Código Civil não abrange. Ela trata de direito de propriedade, de como convocar e fazer assembleias, das despesas do condomínio, e da utilização da edificação por parte dos condôminos, além de outros assuntos.


Algumas mudanças importantes em relação à Lei anterior 4.591/64:
Convenção (Art. 1.333)
Se a Convenção do seu condomínio contiver cláusulas que contrariem o novo Código, elas perdem automaticamente a validade.

Entrevista com o Senador Cristovam Buarque

Imagem
Todos os dias, ele faz um teste de resistência física e outro, de popularidade. Vence a pé o trajeto de casa, na 215 Norte, até o Senado. Por vezes, o fôlego não aguenta e para na padaria para despachar, lendo mensagens no celular, e avaliar se “está indo bem na fita”. Ali, na 202 Norte, como no plenário, Cristovam Buarque percebe que há um sentimento geral de déjà-vu. “É inegável que há um clima de fim de governo Dilma”, sentencia. O senador não contemporiza quando o assunto é o temperamento da presidente, que, a seu ver, potencializa o clima de insatisfação geral: “Ela deveria deixar a arrogância de lado, ser humilde e buscar o entendimento”, aconselha, depois de comentar que colegas senadores falam abertamente que “nem o Lula aguenta mais a Dilma”. [

Curso prático para condução de assembleias

CURSO PRÁTICO PARA CONDUÇÃO DE ASSEMBLEIAS, voltado para síndicos, conselheiros, condôminos, inquilinos, advogados e contadores. O objetivo é promover conhecimento sobre AS PRINCIPAIS TÉCNICAS DE CONDUÇÃO DE ASSEMBLEIA. 
O curso acontece no dia 8 de julho, no auditório do CRECI/DF, 401/410, das 19:00 as 22:00 horas.

Botinas de segurança são EPI’s obrigatórios para o trabalhador

Pinheiro Ferragens trabalha com a botina solado de poliuretano bidensidade, com bico de aço, garantindo maior conforto aos usuários 
Queda de materiais, piso escorregadio, descargas elétricas e queimaduras devido ao manuseio de produtos químicos são alguns dos riscos que tornam obrigatório o uso de calçados apropriados aos operários da construção civil – as botinas de segurança. Estudos indicam que cerca de 25% dos casos de deficiência no mundo estão ligados às lesões nos pés e dedos.
De acordo com a Norma Regulamentadora – NR 6, no que se refere às responsabilidades do empregador, cabe a ele orientar e treinar seus trabalhadores quanto à higienização e manutenção periódica das botinas, além de exigir seu uso. O EPI é um dos itens disponíveis nos estoques das lojas de materiais de construção. “Trabalhamos com a botina solado de poliuretano bidensidade, com bico de aço, em várias numerações”, comenta Roil Pinheiro, diretor comercial da Pinheiro Ferragens.

Provas para selecionar conselheiros tutelares serão aplicadas neste domingo

Foram 26.588 inscritos para 40 vagas em todas as regiões administrativas
Neste domingo (5), 26.588 candidatos que concorrem a 40 vagas de conselheiro tutelar do Distrito Federal fazem provas em 18 escolas de Brasília. No hotsite — página temporária criada apenas para uma ação específica — do processo seletivo estão disponíveis os locais de realização das provas, que ocorrem das 13 horas às 17h30. 
A avaliação para escolha dos membros do Conselho Tutelar do DF no quadriênio 2016-2019 tem o objetivo de medir o conhecimento dos candidatos sobre temas como o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), a Lei de Convivência Familiar e a Constituição Federal. São 60 questões de múltipla escolha, com cinco opções cada uma.
Os aprovados no exame de conhecimentos específicos serão habilitados e passarão para a fase de análise da documentação. As etapas seguintes do processo são o registro de candidatura, a eleição — por meio de voto direto, secreto e facultativo — e o curso de formação inicial, co…